31 de julho de 2015

"Harmonia do Choro", chapa concorrente às próximas eleições do Clube do Choro de BH acaba de ser validada.

A Presidência em exercício do Clube do Choro de BH, dentro do processo das próximas eleições de Diretoria e Conselho Deliberativo que se realizará em 4 de outubro deste ano, torna pública a validação e a convalidação da chapa "Harmonia do Choro", liderada pelo sócio Acir Antão. Maiores informações sobre o processo eletivo, acesse o link: Eleições 2015 .


30 de julho de 2015

GOVERNADOR FERNANDO PIMENTEL RECEBE NO PALÁCIO DA LIBERDADE O CLUBE DO CHORO DE BELO HORIZONTE.


Foto: Manoel Marques, Coordenador do Núcleo de Fotografia da SUPIM - Superintendência Central de Imprensa - SEGOV/Secretaria de Comunicação Social

A diretoria do Clube do Choro de Belo Horizonte foi recebida em audiência especial pelo Governador Fernando Pimentel, na terça-feira, 28 de agosto, no Palácio da Liberdade quando também estiveram presentes o Secretário de Governo Odair Cunha; o Secretário de Estado da Casa Civil e Relações Institucionais, Marco Antônio Resende e o Secretário de Estado da Cultura, Ângelo Oswaldo.

Apreciador declarado do Choro, incentivador da entidade desde a sua fundação, há nove anos, o Governador Pimentel é sócio honorário do Clube do Choro de BH e sempre deu apoio às suas iniciativas, tanto que, quando era Prefeito da cidade, colocou o auditório da Prefeitura, recém-reformado, à disposição de instrumentista e intérpretes, associados e convidados para realizar audições musicais no novo local, o que foi feito inúmeras vezes, com absoluto êxito.

Durante o encontro no Palácio, o Presidente Jonas Cruz aproveitou para agradecer ao Governador o carinho que ele tem demonstrado pelo Clube e disse que a entidade continua trabalhando para difundir e promover a música, especialmente o Choro, realizando eventos, promovendo audições e divulgando cada vez mais o Choro executado por instrumentistas e intérpretes mineiros. Mais uma vez o Governador declarou a sua disposição de colaborar com as iniciativas do Clube, que tem uma série de ideias, promoções e eventos previstos, agora e para o próximo ano, quando completará 10 anos, inclusive algumas já aprovadas pela Lei de Incentivo Estadual, bastando apenas o patrocínio de empresas.

O Governador recebeu de lembrança o DVD que registra o espetáculo "Brasil Chora Waldir", apresentado ano passado no Cine Theatro Brasil Vallourec, por ocasião da comemoração do Dia Nacional do Choro, 23 de abril, que contou com apoio do jornal Estado de Minas, do BDMG Cultural e da TV Minas. Recebeu também vários DVDs e CDs de artistas mineiros, associados do Clube e um exemplar do DVD "Simplicidade", documentário dirigido por Daniela Meira e Amanda Gomes, realizado em homenagem ao querido músico e violonista Mozart Secundino, associado-fundador, em plena atividade artística aos 92 anos de idade, o que faz dele um símbolo exemplar de amor e dedicação à música popular.

O presidente Jonas Cruz estava acompanhando do Diretor de Comunicação Hamilton Gangana, do associado e engenheiro José Henrique Maia e do Advogado e músico Carlos Walter, atuante associado do Clube.


27 de julho de 2015

"Isto é Nosso" no Pedacinhos do Céu.

Grupo "Isto é Nosso" - Foto: Divulgação
Na próxima quarta, 29 de julho continuam as comemorações dos 18 anos do Pedacinhos do Céu, um dos mais tradicionais redutos do Choro de BH. A noite é de show do Grupo "Isto é Nosso".
O evento começa às 19 horas e trás, através das mãos e paletas dos músicos Thiago Balbino (bandolim), Gustavo Monteiro (violão de 7 cordas), Artur Padua (violão), Daniel Nogueira (cavaquinho) e Ronaldo Pereira (pandeiro), o melhor do chorinho e muito do show "O lado B de Jacob" que o grupo estreou recentemente. Vale conferir.

SERVIÇO:
Grupo "Isto é Nosso" no Pedacinhos do Céu.
Data: 29 de julho (quarta)
Horário: 19h00
Local: Pedacinhos do Céu - Rua Belmiro Braga, 774- Bairro Alto Caiçara. BH
Informações: (31) 3462-2260 e (31) 8899-6624

"Todo Choro" no Ensaio Aberto do Museu das Minas e do Metal.

O MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal, com o intuito de oferecer novas experiências ao público e estreitar o relacionamento com os artistas da cidade tem mais uma atração para as noites de quinta-feira: o Ensaio Aberto. Uma vez por mês, o MMM Café, um ambiente leve e descontraído, é animado com programação musical ao vivo e com cardápio especial.
Na próxima quinta feira, 30 de julho, das 19h30 às 21h30 o  Ensaio Aberto sserá com o grupo “Todo Choro”.

Criado em 2015, o grupo Todo Choro desenvolve um trabalho de pesquisa, estudo e divulgação da música instrumental brasileira, com destaque para o choro. Composto por músicos que transitam entre a música erudita e popular, o grupo se destaca pela interpretação e arranjos de composições próprias e releitura de clássicos do choro.
Integrantes: Henrique Chaves (bandolinista), Washington Souza e Dgár Siqueira (percussionistas) e o violonista Giuliano Coura. No cavaquinho, Laércio do cavaco.

O MMM Café está aberto de terça a domingo, das 12 às 18 horas, e nas quintas-feiras, das 12 às 22 horas. Entrada franca.

SERVIÇO:
Ensaio Aberto com o grupo "Todo Choro"
Data: 30 de julho 2015 (quinta)
Hora: 19h30 às 21h30
Local: MMM - Museu de Minas e do Metal Praça da Liberdade, s/nº - Prédio Rosa - BH
Entrada: gratuita
Maiores informações: (31)3516-7200

23 de julho de 2015

Domingo tem "Choro de Martelo" no Museu de Arte da Pampulha.


No próximo domingo,  às 11 horas, Marcelo Jiran se apresenta no Museu de Arte da Pampulha, levando ao público o seu consagrado show "Choro de Martelo". A apresentação faz parte do Projeto Cena Música 2015 e tem entrada Franca.

Choro de Martelo é o nome do segundo CD independente de Jiran que, desta vez, escolheu exclusivamente seu principal instrumento e mais antigo companheiro, o piano, para ser o protagonista neste trabalho. No repertório cinco temas autorais, um do maestro Gilson Peranzzetta em parceria com Nelson Wellington, dois de Jiran em parceria com o genial Yamandu Costa e mais dois temas de Yamandu, somando dez músicas, todas elas com diferenciados arranjos de Jiran e seu singular modo de interpretar.
Dentre as diversas ramificações das composições desse múltiplo artista, o Choro é uma de suas predileções. Levando esse envolvente estilo à uma diferente linguagem “pianística”, Jiran mistura a essência do Choro das rodas com a essência da música erudita.
Um programa imperdível para a manhã do próximo domingo.

SERVIÇO:
Choro de Martelo - Show com Marcelo Jiran
Data: 26/07/15 (Domingo)
Horário: 11h00
Local: Museu de Arte da Pampulha
Endereço: Av. Otacílio Negrão de Lima, 16.585 - Pampulha, Belo Horizonte
Ingressos: Entrada Gratuita
Informações: (31) 3277-7946

22 de julho de 2015

Museu Histórico Abílio Barreto seleciona ações culturais para 2015

Inscrições se encerram no próximo dia 30 de julho


Museu Histórico Abílio Barreto
A Fundação Municipal de Cultura recebe de 1º a 30 de julho propostas para a realização de painéis, palestras, seminários, workshops, conferências, debates, oficinas, exibições de filmes, apresentações artísticas e outras atividades culturais no auditório e no palco externo do Museu Histórico Abílio Barreto (MHAB).

O edital de uso dos espaços está disponível no endereço eletrônico www.pbh.gov.br/cultura, no link “Licitações e Editais”. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas presencialmente no MHAB, de segunda a sexta-feira das 9h às 12h e das 14h às 18h, ou enviadas por via postal com aviso de recebimento.
As propostas habilitadas vão compor a programação do MHAB no período de 15 de agosto a 31 de dezembro de 2015, inclusive sábados, domingos, feriados e pontos facultativos, observado o horário de funcionamento do Museu. As propostas devem estar relacionadas às áreas de patrimônio cultural, história, teatro, música, dança e artes.

O MHAB
Inaugurado em 1943, a instituição guarda parte significativa da história de Belo Horizonte. Sua função é recolher e preservar itens que contribuam para a compreensão da dinâmica sócio-histórica da cidade, reunindo um acervo múltiplo e revelador dos vários sentidos e trajetórias da capital e de seus cidadãos. O Museu oferece aos visitantes exposições de longa, média e curta duração que retratam diferentes aspectos da história de Belo Horizonte, atividades de educação patrimonial relacionadas à proteção de bens culturais e à valorização de acervos sobre a história local e a memória social da cidade, além de intervenções museais fora de sua sede. Oferece ainda eventos de difusão cultural em seu palco ao ar livre e no auditório, reafirmando seu papel como lugar de disseminação e valorização da produção cultural local.

CONSULTE O EDITAL

21 de julho de 2015

Victor de Mello Lopes e Agostinho Paolucci: companheiros "recitando" Choros.

Victor de Mello e Agostinho Paolucci - Foto: Divulgação
Na próxima quinta, 23 de julho, os músicos Victor de Mello Lopes e o associado ao Clube do Choro, Agostinho Paolucci se apresentam no Café Jolie, a partir das 20 horas.
Nesta apresentação os companheiros se encontram e o violão de sete cordas e o oboé se unem para apresentar um repertório brasileiro.

Choros, valsas, polcas, maxixes e tangos brasileiros, de compositores como Pixinguinha, Maurício Carrilho, Jacob do Bandolim, Anacleto de Medeiros, Cesar Guerra Peixe, Paulinho da Viola, entre outros estão no repertório do duo. Com formação musical distintas, os músicos Agostinho Paolucci e Victor de Mello Lopes se encontram no Choro. Há algum tempo trabalhando juntos em outros projetos, “Quadrilhas Brasileiras” e Choros de Câmara nos Museus, ambos idealizados por Victor, além do contato em rodas de choro pela cidade, os companheiros se reúnem para compartilhar música. 

SERVIÇO:
Victor de Mello Lopes e Agostinho Paolucci no Café Jolie.
Data: 23 de julho - quinta
Local: Café Jolie
Endereço: Rua Oriente, 623 - Serra
Entrada: R$ 10,00
Informações e reservas: 2526-2798 - 8476-3194

17 de julho de 2015

4ª edição do BH Choro encerra hoje com show do Quintas do Choro e Cícero Gonzaga.



A quarta edição do BH CHORO que acontece até esta sexta feira, trouxe à cidade diversos shows de Chorinho em diferentes espaços consagrados ao gênero musical. 
Hoje, o encerramento acontece com apresentação do Grupo Quintas do Choro convidando Cícero Gonzaga, no acordeon. O show acontece às 20 hs, no espaço Mosteiro, localizado à rua Santa Durão, 940, Savassi, com entrada gratuita.

A programação ocorreu em diferentes locais como o Bar do Bolão, no Bairro Padre Eustáquio, quando a Velha Guarda do Choro do Clube do Choro de BH, que conta com Mozart Secundino, Zé Carlos, Zito, Jonas Cruz e Hélio Pereira entre outros, convidaram o violinista Silvio 7 Cordas. 

No Pedacinhos do Céu, Bairro Alto Caiçara,, Ausier Vinicius convidou o Flor de Abacate, com Marcos Flávio no trombone, Silvio no violão sete cordas, Dudu Braga no Cavaquinho e Ramon Braga no pandeiro. Dia 11/07, foi a vez do O Muringueiro, no Bairro da Graça, quando o grupo Choro Nosso que convidou o flautista carioca Alexandre Romanazzi, o Maionese, integrante do grupo Zé da Velha e Silvério Pontes.

Hoje, a quarta edição do BH Choro se despede, deixando a marca de uma grande festa que promoveu mais um delicioso e rico painel do choro em Belo Horizonte. 

 
1- Bar do Bolão Velha Guarda do Clube do Choro
2- Pedacinhos do Céu: Ausier Vinícius e Flor de Abacate
3-O Muringueiro: Choro Nosso e Alexandre Maionese





Hoje tem "Noturno nos Museus" com diversas atrações, incluindo show do "Toca de Tatu".


A Fundação Municipal de Cultura realiza nesta sexta 17 de julho, o Noturno nos Museus 2015. Já consolidado em Belo Horizonte, o evento tem a proposta de estender o horário de funcionamento em mais de 30 museus na cidade, dando ao público a oportunidade de curtir durante a noite e o início da madrugada exposições, oficinas de arte, exibições de vídeos, instalações culturais, shows, apresentações de dança, espetáculos teatrais, entre outras atrações. Todas as ações promovidas pelos museus e centros de referência da FMC são gratuitas e abertas ao público. 

Destacamos a apresentação musical do Grupo Toca de Tatu que acontece no Museu de Arte da Pampulha das 19h30 às 20h30.
Confira a programação completa e divirta-se nesta noite! Programação completa no site:

Mozart Secundino, sócio fundador do Clube do Choro de BH é homenageado com diploma de honra ao mérito na Câmara.

Mozart Secundino exibe o Diploma de Honra ao Mérito , ao lado do autor do projeto, Vereador Juninho Paim. - Foto: Eduardo Profeta.
O violonista Mozart Secundino de Oliveira, 92 anos, um dos mais antigos “chorões” da capital e sócio fundador do Clube do Choro de BH, acaba de ser homenageado com Diploma de Honra ao Mérito concedido através de projeto de autoria do Vereador Juninho Paim. O evento, ocorreu no dia 10 de julho, no Plenário Amynthas de Barros e contou com a presença de familiares, amigos, membros da Diretoria e associados do Clube.

Foto: Eduardo Profeta
Mozart nasceu em Bandeirinha, distrito de Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Chegou à capital mineira aos 11 anos com o pai e os três irmãos. Pai de dois filhos, Mozart trabalhava vendendo doces, mas, como a música nunca deixou de estar presente em sua vida, contava com auxílio adicional dos cachês que recebia tocando na noite belo-horizontina para sustentar a família. Ele estudou apenas três meses de violão e teve apenas um único professor. Em 1964, conheceu Waldomiro Constant, que era diretor do regional da Rádio Guarani, grupo do qual foi integrante por vários anos. Acompanhou o músico Waldir Silva e em 2009 fundou seu próprio grupo, "Quem não chora não mama". Ao longo de sua história, apresentou-se em diversos  bares e teatros da cidade e atualmente ainda é possível vê-lo e ouvi-lo em diferentes espaços e dias da semana. Ele nunca gravou um disco – nem ao menos cogitou fazê-lo, mas representa figura das mais presentes nas rodas de Choro, sendo admirado e tocando ao lado das várias gerações de músicos.

Mozart Junior e Acir Antão - Fotos: Eduardo Profeta

CERIMÔNIA
Falando em nome do homenageado, que também já recebeu o Título de Cidadão Honorário em 2010, discursou Mozart Secundino Júnior, primogênito do violonista, que agradeceu a homenagem e enalteceu a honrada trajetória do pai.
Em nome do Clube do Choro, discursou o presidente do Conselho Deliberativo do Clube do Choro de Belo Horizonte, o radialista Acir Antão, que ressaltou a belíssima carreira de Mozart. 


Fotos: Eduardo Profeta

Compareceram à homenagem, ainda, a filha de Mozart, Alana Márcia de Oliveira, além de outros parentes, amigos e  músicos da nova e velha geração do Choro belorizontino.
Representando o presidente do Clube do Choro, Jonas Cruz, compareceu o diretor de comunicação, Hamilton Gangana, que sobre a cerimônia declarou: "me emocionei com o que vi: simplicidade, antes de tudo. Por sua história de vida e exemplo de caráter oferecido a todos, o Mozart e família merecem o nosso reconhecimento."



16 de julho de 2015

Boas notícias: Programa Ibermúsicas 2015 tem nove concursos abertos para brasileiros.



Em 2015, o Programa de Fomento das Músicas Ibero-americanas (Ibermúsicas) está com inscrições abertas para nove concursos de apoio a iniciativas na área musical. O Programa, cujo objetivo é a difusão da diversidade musical ibero-americana, é representado no Brasil pela Fundação Nacional de Artes – Funarte. O suporte financeiro disponibilizado para os selecionados, neste ano, é de até U$ 10 mil. As inscrições são online, na página www.ibermusicas.org/pt/as-chamadas.

O Ibermúsicas é atualmente formado por nove países que financiam o Programa: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, México, Paraguai, Peru e Uruguai; e pela Secretaria Geral Ibero-americana (Segib).
As convocatórias lançadas incluem:
Ajudas à Mobilidade de Músicos
Ajudas aos Festivais e Encontros para a Mobilidade dos Músicos
Ajudas a Compositores para Residências Artísticas
Ajudas a Instituições para Residências Artísticas de Compositores
Ajudas a Residências Artísticas para a Criação Sonora com Novas Tecnologias no C.M.M.A.S.
2º Concurso Ibero-americano de Composição de Canção Popular “Ibermúsicas”
1º Concurso Ibero-Americano de Composição para Orquestras de Cordas “Ibermúsicas”
2º Concurso Ibero-Americano de Composição para Banda Sinfônica Ibermúsicas-Oaxaca
2° Projeto Especial Ibermúsicas – Iberescena – Prêmio para uma obra conjunta de um texto dramático e de uma composição musical

Mais sobre o Ibermúsicas
Aprovado na XXI Cúpula Ibero-americana de Chefes de Estado e de Governo, em novembro de 2011, o Programa Ibermúsicas é uma plataforma multilateral de cooperação internacional, dedicada ao desenvolvimento da música no espaço ibero-americano. As principais diretrizes do Programa são: ampliar a presença e da diversidade musical ibero-americana na própria região; expandir o mercado de trabalho para os músicos ibero-americanos; e interconectar os agentes públicos e privados do campo da música, facilitando a troca de conhecimentos.

Conheça os concursos

AJUDAS À MOBILIDADE DE MUSICOS
O objetivo do concurso é apoiar e promover a circulação e a difusão produção musical da região ibero-americana. Por meio deste edital, o Ibermúsicas financiará total ou parcialmente o transporte de solistas e grupos de música para participação em festivais, encontros, salas, mercados, feiras e concertos nos países ibero-americanos.
As inscrições poderão ser realizadas na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadasaté o dia 31 de agosto de 2015.
Para participar, os candidatos deverão anexar uma carta-convite oficial da instituição anfitriã. Deve constar do documento a atividade a ser desenvolvida e data de sua de realização. O evento no exterior deverá estar programado para ocorrer entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2016.
O valor máximo do apoio concedido não excederá o valor de 10 mil dólares, sendo que o Ibermúsicas poderá apoiar parcialmente à candidatura apresentada.
Para os participantes selecionados, o Programa cobrirá exclusivamente as despesas do transporte aéreo (excluindo vôos em primeira classe e classe executiva) ou transporte terrestre, em transporte público, para o lugar de destino e regresso.

AJUDAS AOS FESTIVAIS E ENCONTROS PARA A MOBILIDADE DOS MÚSICOS
Por meio deste concurso, o Ibermúsicas apoiará propostas de mobilidade e circulação apresentadas por realizadores de festivais, encontros, feiras, mercados, salas, fóruns (entidades públicas ou privadas) que queiram convocar artistas e grupos musicais para participar de suas programações. Os artistas convidados não poderão residir no país da entidade candidata. Estas deverão apresentar uma carta de aceitação por parte dos artistas convidados.
O evento deverá estar programado para ocorrer entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2016.
As inscrições poderão ser realizadas na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadasdiretamente pela instituição requerente, até1º de agosto de 2015.
O valor máximo do apoio concedido não excederá o valor de 10 mil dólares, sendo que o Programa poderá apoiar parcialmente à candidatura apresentada. O concurso se destina a cobrir exclusivamente as despesas de transporte (aéreo ou terrestre) dos músicos e grupos musicais convidados pelas instituições proponentes.

AJUDAS A COMPOSITORES PARA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS
O concurso tem por objeto apoiar residências para a criação musical, realizadas por compositores(as) domiciliados(as) nos países membros do Ibermúsicas. As residências propostas devem ser realizadas em qualquer país do mundo que não seja o país de domicílio do candidato. Será dada preferência a projetos que se realizem nos países membros do Ibermúsicas.
Os processos de criação musical propostos devem se desenvolver em, no mínimo, três semanas de trabalho no país visitante. Os candidatos só poderão apresentar projetos para a criação de obras originais, devendo estar relacionados preferencialmente a uma entidade artística. É exigida aos candidatos a apresentação de uma carta de convite oficial da instituição anfitriã, que informará as atividades a serem desenvolvidas e suas datas de realização.
A residência deverá estar programada para ocorrer entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2016.
O valor máximo do apoio concedido não excederá o valor de 8 mil dólares, sendo que o Ibermúsicas poderá apoiar parcialmente a candidatura apresentada.

As inscrições podem ser realizadas na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadas, até31 de agosto de 2015.

AJUDAS A INSTITUIÇÕES PARA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS DE COMPOSITORES
O concurso tem por objeto apoiar residências para a criação musical. As propostas devem ser apresentadas por entidades públicas ou privadas, que desejem acolher compositores de países signatários do Ibermúsicas, não domiciliados no país da entidade candidata.
Os processos de criação musical devem acontecer em, pelo menos, três semanas de trabalho no país visitado.
Os projetos deverão ser apresentados diretamente pela instituição requerente. As inscrições poderão realizar-se na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadas, até31 de agosto de 2015. O valor máximo do apoio concedido não excederá o valor de 10 mil dólares.

AJUDAS A RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS PARA A CRIAÇÃO SONORA COM NOVAS TECNOLOGIAS NO C.M.M.A.S.
A Secretaria Geral da Cultura do Estado de Michoacán (Secum), através do Centro Mexicano para a Música e as Artes Sonoras (Cmmas), lança o Programa de Residências Artísticas para a Criação Sonora com Novas Tecnologias, com o objetivo de estimular a criação musical contemporânea, a arte sonora e as demais linguagens artísticas que utilizem as novas tecnologias e som como elemento central. A finalidade do concurso é estimular o desenvolvimento de projetos inovadores na Ibero-América.
O concurso apoiará até três residências para criação musical. O apoio concedido aos selecionados será de 8 mil dólares. A estreia da obra ocorrerá no Centro Mexicano para a Música e as Artes Sonoras.
As inscrições podem ser realizadas na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadas, até31 de agosto de 2015.

2° CONCURSO IBERO-AMERICANO DE COMPOSIÇÃO DE CANÇÃO POPULAR “IBERMÚSICAS”
O concurso premiará um compositor da cada país membro do Ibermusicas para a criação de seis canções originais, com um apoio financeiro de seis mil dólares.
Os compositores deverão realizar suas inscrições na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadasaté31 de agosto de 2015.

1° CONCURSO IBERO-AMERICANO DE COMPOSIÇÃO PARA ORQUESTRA DE CORDAS “IBERMÚSICAS”
O processo seletivo premiará um compositor da região ibero-americana, com uma apoio financeiro de 10 mil dólares.Os compositores participarão do concurso com obras escritas para orquestra de cordas originais e inéditas, com duração entre 12 e 20 minutos.
O resultado da seleção será anunciado no dia 30 novembro de 2015 e a peça premiada será lançada durante a temporada de 2016 ou 2017, em pelo menos três países membros do Ibermúsicas.As inscrições podem ser realizadas na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadas, até30 de setembro de 2015.

2° CONCURSO IBERO-AMERICANO DE COMPOSIÇÃO PARA BANDA SINFÔNICA IBERMÚSICAS-OAXACA
O Governo do Estado de Oaxaca (México), em colaboração com o Ibermúsicas, convoca o concurso com o objetivo de estimular a criação de música contemporânea na ibero-america e promover a criação de novas obras para Banda Sinfônica. O prêmio é de 10 mil dólares americanos. A obra terá sua estreia executada pela Banda do Estado de Oaxaca, no Festival Mata Eduardo, realizado nesse local.
Os compositores participarão do concurso com obras escritas para banda sinfônica, originais e inéditas, com duração entre 9 e 14 minutos. As obras inscritas deverão ajustar-se às formações orquestrais descritas no edital.
As inscrições podem ser realizadas na páginawww.ibermusicas.org/pt/as-chamadas, até30 de setembro de 2015.

2° Projeto especial IBERMÚSICAS – IBERESCENA
O concurso concederá um prêmio para uma obra conjunta – texto dramático e composição musical.
A dupla vencedora do prêmio será contemplada da seguinte forma: a) Para o criador musical: doze mil dólares americanos, a cargo do Ibermúsicas; b) Para o criador dramatúrgico: 10 mil euros, a cargo do Iberescena.

As inscrições podem ser encaminhadas através da página www.ibermusicas.org/pt/as-chamadas,de 30 de junho a 11 de dezembrode 2015.
Mais informações sobre o Programa Ibermúsicas: www.ibermusicas.org/pt/


14 de julho de 2015

CONJUNTO ISTO É NOSSO APRESENTA O LADO "B" DE JACOB.


O "Conjunto Isto é Nosso" apresenta um novo show, entitulado "O Lado B de Jacob". Neste espetáculo, que acontece dia 24 de julho, às 20 horas, no Sesc Palladium, o grupo traz ao público a oportunidade de apreciar um repertório com músicas pouco conhecidas da obra de Jacob do Bandolim.

Formado por Thiago Balbino (bandolim), Gustavo Monteiro (violão de 7 cordas), Artur Padua (violão), Daniel Nogueira (cavaquinho) e Ronaldo Pereira (pandeiro), os componentes do "Conjunto Isto é Nosso" consideram muito interessante quando, nas rodas de Choro , ao tocarem algumas dessas obras menos conhecidas, são perguntados por um admirado ouvinte: “De quem é essa coisa linda?”. “É de Jacob, meu caro”, respondem com satisfação.
Jacob Pick Bittencourt, o Jacob do Bandolim é reconhecidamente, um dos maiores nomes da história da música brasileira. Além de nosso maior bandolinista, foi um compositor fantástico. Quem é seguidor do gênero Choro – e mesmo que não o seja – certamente conhece e admira músicas suas tais como “Assanhado”, “Noites Cariocas”, “Doce de Coco” e “Santa Morena”, dentre outras. 
A obra de Jacob, porém, vai muito além dos seus – maravilhosos – clássicos. Quem se interessa por ir a fundo em seu acervo encontra inúmeros outros tesouros, tão belos quanto suas pérolas mais conhecidas, mas que, por capricho do destino, não galgaram o mesmo alcance, mesmo no público que admira o gênero.
É é por essas e por outras que trazem ao público este novo show, com a clara  intenção, de surpreender não um ou outro acompanhante de uma roda de Choro, mas sim uma platéia cheia de interessados em descobrir “O LADO ‘B’ DE JACOB”. B de baú, bandolim, bonito e de Brasil. 

SERVIÇO
Conjunto Isto é Nosso – O Lado “B” de Jacob
Data: 24/07/15 (sexta-feira)
Horário: 20:00
Local: Sesc Palladium – Teatro de Bolso
Endereço: Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro - Rua Augusto de Lima, 420, Centro - Belo Horizonte/MG
Ingressos: R$ 25,00 (vendas do local e no www.ingresso.com)


10 de julho de 2015

REDE MINAS APRESENTA, NESTE SÁBADO, O ESPECIAL "BRASIL CHORA WALDIR".


O programa Noturno,exibido pela Rede Minas traz esta semana o espetáculo “Brasil Chora Waldir", uma produção conjunta com o Clube do Choro de Belo Horizonte. Apresentada por Tuilo Mourão, a programação vai ao ar neste sábado, 11 de julho, às 22 horas.

O espetáculo gravado ao vivo,  registra o grande show comemorativo ao Dia Nacional do Choro que ocorreu no Cine Theatro Brasil Vallourec, em 23 de abril de 2014 . O Noturmo trará uma seleção de momentos de uma noite muito especial que foi dedicada aos dois grandes e saudosos cavaquinistas e compositores brasileiros, Waldir Silva e Waldir Azevedo, homenageados por músicos, instrumentistas, solistas, intérpretes e admiradores do choro de Belo Horizonte. 
Não perca.

9 de julho de 2015

Atenção Chorões: "Concurso Violão Sem Fronteiras" do Festival Assad tem inscrições abertas até sexta feira.


/uploads/festival-assad.png


As incrições para o Concurso Violão Sem Fronteiras permanecem abertas até a próxima sexta-feira, 10 de julho. O Concurso de violão 'Festival Assad' é uma mostra competitiva aberta a solistas, duos, trios e grupos de violão de cordas de nylon. Os violões podem ser de 6, 7 ou mais cordas. Não há limites de idade (menor ou maior) para os participantes. Como o próprio nome diz “Sem Fronteiras”, o Concurso está aberto para todos os gêneros musicais, desde a música popular à erudita, englobando, assim, outras vertentes instrumentais. Os artistas inscritos serão avaliados por júri especializado e concorrerão a prêmios em dinheiro.
O Concurso “Violão Sem Fronteiras” será regido por regulamento disponibilizado no seu site oficial – www.festivalassad.com.br.  Os interessados em participar do Concurso “Violão Sem Fronteiras” poderão se inscrever pelo site do Festival mediante o preenchimento de formulário específico.
A etapa final será realizada no dia 26 de julho de 2015 no Theatro Municipal de São João da Boa Vista. 
As premiações a partir da seleção do corpo de jurados serão distribuídas da seguinte forma:1º Lugar: R$3.000,00 (três mil reais); 2º Lugar: R$2.000,00 (dois mil reais); 3º Lugar: R$1.500,00 (hum mil e quinhentos reais); 4º Lugar: R$1.000,00 (hum mil reais); 5º Lugar: R$500,00 (quinhentos reais).

Confira o regulamento completo e demais informações acessando a página do concurso

8 de julho de 2015

4ª edição do "BH Choro" começa amanhã com atrações em diversos espaços da cidade.


O Projeto BH Choro chega à sua quarta edição e começa na próxima quinta, 9 de julho, com atrações em diferentes espaços da cidade, promovendo o intercâmbio entre vários grupos musicais e artistas dedicados ao choro.

Na sua primeira edição o projeto foi realizado na Praça Santa Teresa, na segunda em palco montado na Feira Tom Jobim (esquina da Av. Bernardo Monteiro com Av. Brasil) e a terceira  foi realizada na Funarte/MG, por ocasião do dia nacional do choro.
Nesta edição será realizado no Circuito do Choro - locais onde tradicionalmente este gênero musical  é executado na cidade como o Bar do Bolão, Pedacinhos do Céu, Mosteiro e O Muringueiro. A iniciativa visa, sobretudo, divulgar e apoiar estes verdadeiros templos deste gênero musical, com o objetivo de colaborar para com a sua manutenção e perenização.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:

Dia 09/07, as 19:00 horas, BAR DO BOLÃO (Rua Vila Rica, 637 - Bairro Padre Eustáquio ), quando a Velha Guarda do Choro do Clube do Choro de BH, que conta com Mozart Secundino, Zé Carlos, Zito, Jonas Cruz e Hélio Pereira entre outros, convida o violinista Silvio 7 Cordas.

Dia 10/07, 20:00 horas, no PEDACINHOS DO CÉU (Rua Belmiro Braga 774 - Bairro Alto Caiçara), Ausier Vinicius convida o Flor de Abacate, com Marcos Flávio no trombone, Silvio no violão sete cordas, Dudu Braga no cavaquinho e Ramon Braga no pandeiro.

Dia 11/07, 19:00 horas, será a vez do O MURINGUEIRO, (Rua Juacema 416 - Bairro da Graça), quando o grupo Choro Nosso, integrado por Marcela Nunes, flauta transversal, Renato Muringa, cavaquinho e bandolim, Agostinho Paolucci, violão 7 cordas e Daniel Guedes, pandeiro, convida o também flautista carioca Alexandre Romanazzi, o Maionese, integrante do grupo de Choro Zé da Velha e Silvério Pontes e do Samba de Paulão Sete Cordas, que se apresenta no Carioca da Gema, no bairro da Lapa, Rio de Janeiro.

Dia 17/07, 20:00 horas, finalizando esta edição do projeto, no MOSTEIRO (Rua Santa Rita Durão, 940  na Savassi), será a vez do Grupo Quintas do Choro, com Wagner – violão 7 cordas, Dú – violão de seis cordas, Leandro – bandolim, Expedito – Cavaquinho, Ronaldo – pandeiro, Nixon – cavaquinho, convidarem o grande Cicero Gonzaga e seu acordeom.

A entrada é franca, com limitação à capacidade máxima do local. O projeto é realizado com recursos da Lei Federal de Incentivo a Cultura. Tem o patrocínio da Cemig e CBMM. Realização da Officina de Produção Cultural e Produção da Idear Produções Culturais. 
Informações (31) 91990129 e www.facebook.com/bhchoro.


3 de julho de 2015

Associados do Clube do Choro de Belo Horizonte se reúnem em mais um encontro festivo.


Os associados do Clube do Choro de Belo Horizonte se reuniram no último domingo, 28 de junho, em mais um encontro comemorativo e de confraternização. A reunião aconteceu no Restaurante Feijoaria, sede do Clube, contando com a presença de muitos associados e seus convidados. 
A programação iniciou ao meio dia, com roda de Choro comandada pelo comunicador e Presidente do Conselho Deliberativo, Acir Antão. Diversos músicos e cantores associados se revezaram no palco, mantendo a música em execução durante todo o encontro que se prolongou até o início da noite.


Um acontecimento muito especial foi reservado para este encontro: o lançamento e entrega do DVD "Brasil chora Waldir" que traz o registro do grande show comemorativo ao Dia Nacional do Choro que ocorreu no Cine Theatro Brasil Vallourec, em 23 de abril de 2014. Trata-se de um documento histórico, que marcou uma noite muito especial dedicada aos dois grandes e saudosos cavaquinistas e compositores brasileiros, Waldir Silva e Waldir Azevedo, homenageados por músicos, instrumentistas, solistas, intérpretes e admiradores do choro  que também estiveram presentes para o lançamento. 
O DVD com tiragem limitada é uma realização do Clube do Choro de BH com apoio e patrocínio da Rede Minas, BDMG Cultural, BDMG, Governo de Minas Gerais, Cine Theatro Brasil Valllourec e do jornal Estado de Minas. Todos os associados do Clube receberão gratuitamente um exemplar. 

A pauta festiva incluiu também a comemoração do Centenário de nascimento de Aníbal Augusto Sardinha, o Garoto, através de uma apresentação realizada pelo violonista convidado, Celso Faria
Celso, que é  especialista em música brasileira e mestre em performance musical, executou obras do homenageado incluindo "Gente Humilde" e um pout pourri  entitulado "Festival Ari Barroso" com harmonização e arranjo original de Garoto. Através do vídeo registrado por Nilson Cota, o leitor poderá apreciar a apresentação com as duas obras citadas.


As próximas eleições do Clube do Choro também foram lembradas. Na ocasião, o Presidente em exercício, Jonas Cruz conclamou a participação de todos os associados nas votações,  e apresentou alguns dos componentes da chapa concorrente, que se encontravam presentes. Com grande entusiasmo, os membros da Chapa ressaltaram suas propostas e planos para o próximo mandato, sendo bastante aplaudidos pelo público. 

Desta forma, mais um encontro do Clube pode ser registrado como um grande sucesso.

Confira abaixo as fotos de Nilson Cota, com vários momentos deste encontro.

Get the flash player here: http://www.adobe.com/flashplayer

2 de julho de 2015

"BRASIL CHORA WALDIR" AGORA EM DVD.

CLUBE DO CHORO DE BH LANÇA REGISTRO DO SHOW QUE HOMENAGEOU DOIS GRANDES ÍCONES DA MÚSICA BRASILEIRA.



O Clube do Choro de Belo Horizonte acaba de lançar o DVD "Brasil chora Waldir" que registra o grande show comemorativo ao Dia Nacional do Choro que ocorreu no Cine Theatro Brasil Vallourec, em 23 de abril de 2014. Trata-se de um documento histórico, que marcou uma noite muito especial dedicada aos dois grandes e saudosos cavaquinistas e compositores brasileiros, Waldir Silva e Waldir Azevedo, homenageados por músicos, instrumentistas, solistas, intérpretes e admiradores do choro de Belo Horizonte. 
Gravado ao vivo, o DVD tem 77 minutos de duração e 17 músicas: BrasileirinhoDelicadoPedacinhos do Céu; Eterna Melodia; Minhas mãos, meu cavaquinho entre outros sucessos de Waldir Azevedo; e composições como Quando Chora um Cavaquinho; Uma saudade; Chiquita; Violão  Quatro Cordas que Choram, de Waldir Silva. O projeto registrou ainda homenagens ao compositor mineiro como letras escritas pelo jornalista Raphael Vidigal para duas de suas obras: Veludo Apenas duas lágrimas que no show são apresentadas com solo vocal e a apresentação da composição Choro para Waldir, de autoria de Geraldinho Alvarenga.

Músicos associados e convidados  reunidos no encerramento do espetáculo "Brasil Chora Waldir".

O  DVD  tem tiragem limitada, com distribuição gratuita destinada aos associados e é uma realização do Clube do Choro de BH com apoio e patrocínio da Rede Minas, BDMG Cultural, BDMG, Governo de Minas Gerais, Cine Theatro Brasil Valllourec e do jornal Estado de Minas. 

Acir Antão, Renato Muringa, Clélia Santos e Camargo, Dudu Braga, Paulinho Pedra Azul, Lígia Jacques e Zé CarlosAusier Vinícius,  Luiz Guilherme. Fotos: Nilson Cota.

Tendo Jonas Cruz como Presidente do Clube e como Diretores, Hamilton Gangana, Lúcio Flávio Siva e Marcela Nunes,  o projeto contou com a seguinte ficha técnica:

Músicos Participantes: 
Ausier Vinícius (cavaquinho), Babaya (voz), Camargo (pandeiro), Carlos Walter (violão), Catherine Carignan (fagote),  Clélia dos Santos (voz), Dudu Braga (cavaquinho), Fábio Palhares (violão), Hélio Pereira ( bandolim), Ivan Cunha (voz), José Carlos Choairy (cavaquinho), Lígia Jacques (voz), Lucas Ladeia (cavaquinho), Lucas Telles (violão 7 cordas), Luiz Guilherme (cavaquinho), Marcela Nunes (flauta),  Marcelo Batista (trombone), Marcos Flávio (trombone), Mário de Castro (clarinete), Mozart Secundino (violão), Paulinho Pedra Azul (voz), Renato Muringa (cavaquinho e voz), Zito (pandeiro).

Organização geral: Marcela Nunes.
Produção executiva: Beth Santos.
Direção musical:Túlio Mourão. 
Apresentação do espetáculo: Acir Antão (Presidente do Conselho Deliberativo do Clube);
Edição de imagens: Bruno Nunes.
Coordenação e supervisão do DVD: Carlos Walter.
Colaboração geral: Lucas Telles.
Arranjos: Geraldinho Alvarenga, com colaboração coletiva dos músicos participantes.
Direção de Palco, iluminação e projeto gráfico do DVD: Otávio Bretas.
Painel cenográfico e ilustração da capa: reprodução de detalhe da obra "Os músicos" do artista Mário Mariano.
Sonorização: Emerson.
Coordenação Geral: Nilson Cota

O Clube do Choro de Belo Horizonte expressa agradecimentos aos familiares dos homenageados Waldir Silva e Waldir Azevedo, aos patrocinadores e apoiadores, à equipe tecnica do teatro, aos músicos e demais profissionais envolvidos neste projeto.