7 de setembro de 2013

PROJETO "DO ERUDITO AO POPULAR" DO CONSERVATÓRIO UFMG APRESENTA: FINO CHORO - O CHORO EM MÚSICA DE CÂMARA.

 "Fino Choro" - Foto: Joyce Hayabusa.

O conjunto musical "Fino Choro" apresenta no dia 12 de setembro, quinta-feira , às 20 horas, o espetáculo “Choro em fino trato erudito”, no projeto "Do Erudito ao Popular" do Conservatório UFMG. 
Trata-se de uma apresentação de Choros dos grandes mestres, como Pixinguinha, Ernesto Nazareth, Jacob do Bandolim, Valdir Azevedo entre outros, com uma abordagem camerística, típico em apresentações de música clássica. 
Beneficiando-se da experiência dos integrantes no campo da música clássica, pois todos fazem parte da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, o "Fino Choro" usa toda a técnica refinada exigida na música clássica para fazer uma interpretação de muito bom gosto trazendo assim uma relação muito próxima com a música de câmara de concertos eruditos. Desta forma, cria-se então uma interpretação muito rica e diferenciada de Choros, numa abordagem inovadora e revigorante, baseado em arranjos musicais bastante criativos.
O "Fino Choro" é formado pelos músicos:  Eliseu Martins de Barros (Violino), William Branham Martins de Barros (Viola), Robson Fonseca Ferreira (Violoncello), Renata Xavier (Flauta) e Rafael Alberto (Percussão).

SERVIÇO:
Data: 12 de setembro de 2013 – Quinta-feira
Horário: 20h
Local: Conservatório UFMG – Av. Afonso Pena, 1534 – Centro BH/MG
Entrada: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia-entrada)
Ingressos vendidos no dia do show a partir das 19hs.
Info: 3409-8300