12 de fevereiro de 2019

O instrumentista juiz-forano, Caetano Brasil realiza mini temporada de shows e workshop em Belo Horizonte.


O instrumentista juiz-forano, Caetano Brasil realiza uma mini temporada de shows e workshop em Belo Horizonte. 

Os eventos acontecem entre os dias 14 e 17 nos espaços: o Muringueiro, Noturno - Música, massas e vinhos e no Café com Letras, sempre acompanhado de companhias luxuosas. Entre elas: Lucas Telles, Luísa Mitre, Marcela Nunes, Daniel Guedes e grupo Toca de Tatu. 
Na quinta (14) terá roda de Choro no O Muringueiro, localizadono bairro da Graça. No sábado (16), para aqueles que tocam e querem aprender ou aprimorar seus conhecimentos em improvisação na linguagem do Choro, tem workshop pela manhã com vagas limitadas. As inscrições podem ser feitas pelo Sympla. Já à noite, a partir das 20 horas, o encontro acontece acompanhado de Lucas Telles e Luisa Mitre, no Noturno - Música, massas e vinhos (bairro São Luiz). No domingo, ele encerra a mini temporada com chave de ouro, tocando ao lado do grupo Toca de Tatu, no Café com Letras (Savassi). 

CAETANO BRASIL
O músico mineiro Caetano Brasil é clarinetista, saxofonista e compositor. Desenvolve um trabalho autoral extremamente contemporâneo ao juntar o choro, gênero tipicamente brasileiro, com o jazz, com a música folclórica oriental, com ritmos latinos e de outras culturas mundo afora. Assim, as pessoas que conhecem sua música, seja virtualmente ou em uma de suas apresentações, entram em contato com composições e arranjos que carregam traços de sua terra e, ao mesmo tempo, remetem a outros povos. Podemos dizer que este é um dos movimentos culturais que marcam territórios, cenários, emoções, memórias e sentimentos. 
​Ao voltar no tempo, vamos descobrir que ele começou a estudar de maneira praticamente autodidata. Com 12 anos, começou a tocar clarinete e aos 15, já integrava o Clube do Choro de Juiz de Fora. Não muito depois, o músico também cursou a Universidade de Música Popular (Bituca) de Barbacena (MG).
​Lançou seu primeiro CD, em 2015, intitulado “Caetano Brasil”, com recursos da Lei Murilo Mendes (Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Juiz de Fora/MG). Nos últimos anos, dividiu o palco com importantes nomes da música mineira, brasileira e internacional e já gravou ao lado do pianista carioca Cristóvão Bastos, do violonista gaúcho Yamandu Costa, do multi-instrumentista turco Chadas Ustuntas, dentre outros.
Em 2017, foi o artista responsável pelo projeto “O mundo do choro contemporâneo”, patrocinado pelo Banco do Nordeste e produzido pela Sinfônica Produções, com realização de shows e oficinas de música nos Centros Culturais Banco do Nordeste em Fortaleza e em Juazeiro do Norte.
Também em 2017, Caetano diversificou ainda mais sua atuação musical ao propor a realização de uma roda de choro didática que pudesse agregar músicos profissionais e iniciantes ao redor do aprendizado da linguagem do choro. Surgiu, então, o Projeto Mão na Roda com encontros semanais em Juiz de Fora (MG) e que já motivou a realização do I Festival de Bolso de Choro na cidade.

Confira a programação, chame os amigos para conhecer e ouvir Caetano Brasil ao vivo.