18 de novembro de 2018

"Choro & Cia - Música Instrumental do Brasil" celebra hoje o centenário do violonista carioca, Dino Sete Cordas.

Neste domingo, o programa "Choro & Cia - Música Instrumental do Brasil" apresenta uma homenagem ao o violonista carioca, Dino Sete Cordas, celebrando o centenário deste que foi um dos grandes mestres da música brasileira. A homenagem conta com a ilustre participação de Raphael Rabello e vai ao ar às 19 horas.

Dino Sete Cordas.
Horondino José da Silva era o nome verdadeiro de Dino Sete Cordas. O apelido surgiu em 1954, quando ele mandou fazer o seu primeiro violão de sete cordas, tornando-se um dos pioneiros do gênero no Brasil. O músico acompanhou nomes da era do rádio, como Orlando Silva e Carmem Miranda, e produziu discos de Elis Regina, Clara Nunes, Noel Rosa e Pixinguinha. Dino foi convidado por Jacob do Bandolim, na década de 60, para fazer parte do conjunto de choro Época de Ouro, que existe até hoje.

O programa, com produção e apresentação do prof. José de Almeida Amaral Júnior, procura em suas audições semanais fornecer as informações possíveis sobre as gravações destacadas, respeitando assim o trabalho dos músicos - que muitas vezes visitam o estúdio - bem como a curiosidade dos ouvintes. 

"Choro e Cia - Música Instrumental do Brasil" vai ao ar todo domingo, às 19 horas, com reapresentações às terças feiras e quintas feiras, no mesmo horário pela Web Rádio Casileoca via Internet e aplicativos de Celulares para todo o mundo. Não perca.

Web Rádio Casileoca (Santana - São Paulo)
Domingo - 19 horas
Reapresentações: Terças e Quintas feiras - 19 horas