21 de outubro de 2017

"A SIMBIOSE DO CHORO COM O SAMBA" é o espetáculo do próximo Concertos da Primavera promovido pela OAP.

Acir Antão comanda o espetáculo: “A Simbiose do Choro com o Samba”
“A SIMBIOSE DO CHORO COM O SAMBA” é o título do espetáculo que Acir Antão e Clube do Choro de BH apresentam no próximo dia 27 de outubro, às 19h30, no teatro do Conservatório UFMG. Este show, com entrada gratuita, compõe o programação Concertos da Primavera promovido pela OAP UFMG, sob supervisão da professora e maestrina Marilene Gangana.

O SHOW
O jornalista e radialista Acir Antão completa neste ano de 2017 exatos 52 anos de atividades no rádio. Repórter, redator, programador musical, coordenador, chefe de jornalismo e apresentador. Quando das festividades comemorativas do centenário de Belo Horizonte, em 1997, foi levado a gravar um CD com músicas sobre a nossa cidade, o que o inspirou a fazer shows especiais de música popular brasileira.  
Acir é o atual presidente e um dos fundadores do Clube do Choro de Belo Horizonte (CCBH ), fundado em 31 de maio de 2006, por 23 amigos, entre eles instrumentistas, músicos,  intérpretes e admiradores da mais genuína música brasileira. 
Neste show, Acir preparou com seu grupo musical uma coleção de choros e sambas, mostrando a simbiose desses dois ritmos bem brasileiros. Neste espetáculo original, que promete ser inesquecível, o público terá a oportunidade de ouvir um samba choro ou samba de breque. Um samba canção, criado para combater o bolero na década de 40,  um choro mais lento. O samba batucada, o samba exaltação, o chamado samba médio ou o samba malandro.
O programa será composto pelas seguintes composições: Flor amorosa (Joaquim Antonio Callado), Já t digo (Pixinguinha), Pelo Telefone (Donga e Mauro de Almeida), Tico Tico no Fubá ( Zequinha de Abreu), Jura (Sinhô), Saxofone por que Choras (Ratinho), No Rancho Fundo (Ary Barroso e Lamartine Babo), Se você jurar (Isael Silva, Nilton Bastos e Francisco Alves) Feitio de Oração (Noel Rosa e Vadico, Conversa de Botequim (Noel Rosa e Vadico), Carinhoso (Pixinguinha e Braguinha), Da cor do pecado (Bororó)
A  banda será composta pelos instrumentistas: José Cícero Gonzaga  (acordeon), Hélio Pereira  (trombone), Geraldo Magela  (violão de sete cordas), Robson do Rosário  (cavaquinho). 
Milton de Assis  (percussão) e Fred  Lazarini  (pandeiro e voz)

OAP
A OAP (Organização dos Aposentados e Pensionistas da Universidade Federal de Minas Gerais) foi criada em 23 de agosto de 1996, para unir a classe de aposentados e pensionistas da UFMG. Os principais objetivos, que se mantêm até hoje, são a defesa jurídica dos direitos adquiridos de seus associados além de promover ações socioculturais e educativas para os mesmos e seus familiares. Hoje em dia, são mais de 2.300 sócios, que podem participar gratuitamente de eventos culturais, como concertos, saraus, oficinas, cursos, concursos e festas. A Organização oferece, pelo menos, três eventos todos os meses, com entrada franca para associados e familiares. 

SERVIÇO:
Concerto de Primavera 2017 OAP/UFMG: "A SIMBIOSE DO CHORO COM O SAMBA” com Acir Antão e Banda.
Data: 27 de outubro de 2017
Horário: 19h30
Local: Conservatório UFMG – Av. Afonso Pena, 1534 – Centro BH/MG
Entrada: A entrada é gratuita e aberta ao público em geral, mas é preciso reservar o lugar pelo telefone 3409-4505.
A apresentação faz parte da programação CONCERTOS DA PRIMAVERA, que tem supervisão da professora e maestrina Marilene Gangana.